TRADUTOR

Sejam bem vindos caros amigos! É com muito carinho que preparo as matérias do meu Blog para vocês. Deixem seus comentários e sugestões. Muita luz para todos! Welcome dear friends! It is with great affection that preparing the materials of my blog for you. Leave your comments and suggestions. Plenty of light for everyone! Willkommen liebe Freunde! Es ist mit großer Zuneigung, die der Vorbereitung der Materialien von meinem Blog für Sie. Lassen Sie Ihre Kommentare und Anregungen. Viel Licht für alle 친애하는 친구들을 환영합니다! 그것은 당신에 대한 내 블로그의 자료를 준비하고 그 큰 애정을 갖고있다. 여러분의 의견과 제안을 둡니다. 모두에게 빛을 충분히! Добро пожаловать дорогие друзья! Он с большой любовью, что подготовка материалов моего блога для Вас. Оставляйте свои комментарии и предложения. Много света для каждого! Добре дошли скъпи приятели! Е с голяма обич, че подготовката на материали от блога ми за вас. Оставете вашите коментари и предложения. Много светлина за всички! Bienvenidos queridos amigos! Es con gran afecto que la preparación de los materiales de mi blog para ti. Deja tus comentarios y sugerencias. Mucha luz para todos! خوش آمدید دوستان عزیز! آن را با محبت بزرگ است که تهیه مواد از وبلاگ من برای شما می باشد. نظرات و پیشنهادات شما. نور کافی برای همه! Welkom lieve vrienden! Het is met grote genegenheid, die de voorbereiding van de materialen van mijn blog voor jou. Laat uw opmerkingen en suggesties. Veel licht voor iedereen! 親愛なる友人へようこそ! それはあなたのための私のブログの材料を準備するという偉大な愛情を持っています。ご意見やご提案を残す。 皆のための光がたっぷり! Dobro došli dragi prijatelji! Ona je s velikom ljubavlju pripremaju materijali moj blog za vas. Ostavite svoje komentare i prijedloge. Obilje svjetla za svakoga ******************************************************************************************************************************************************************************** RELAXE BRINCANDO COM OS PEIXINHOS ELES VÃO ONDE A SETA DO MOUSE FOR. CLIQUE 2 VEZES EM ALGUM LUGAR PARA ALIMENTÁ-LOS.
Ocorreu um erro neste gadget

BANNER

Meu blog artes, cinema,teatro...

Acesse também meu blog

http://mariah-tintasversos.blogspot.com.br/

entretenimento artes plásticas dança literatura

quinta-feira, 10 de abril de 2014

              

    




CRIANÇAS CRISTAL


Atente para seus filhos, sobrinhos, alunos e crianças em geral, com os indícios que minha querida amiga Ingrid Cañete descreve você poderá entender melhor essas criaturas muito evoluídas.



INGRID CAÑETE
Dando seqüência aos estudos sobre crianças da Nova Era, trazemos aqui algumas informações básicas sobre as Crianças Cristal, que são muito recentes no planeta e vibram em freqüência energética ainda mais elevada do que a dos Índigos. Quem nos fala dessa geração muito sutil é Ingrid Cañete, psicóloga especialista no tema, e representante do Brasil na Rede Latino Americana Índigos.
Cristal: uma geração em auxílio aos Índigos
Em artigo anterior “Crianças índigo e cristal”, falamos sobre as Crianças Índigo, e procuramos oferecer alguns esclarecimentos iniciais sobre esse tema. Agora, pretendemos seguir com ele e ampliá-lo falando sobre as Crianças Cristal, já que inúmeros são os pedidos e perguntas a respeito.
Cabe esclarecer, primeiramente, que essas nomenclaturas são apenas uma terminologia utilizada para fazer referência a crianças e jovens que estão nascendo em número cada vez maior, em todo o planeta, e que possuem características físicas, psicológicas e espirituais diferentes. As Crianças Cristal são assim denominadas devido à uma determinada freqüência energética ainda mais elevada do que a dos Índigos e à uma coloração branco cristalina que compõe sua aura, ou seja, o campo energético que envolve seu corpo físico.
Segundo a doutora Doreen Virtue (doutora em Filosofia, Metafísica e Conselheira psicológica, autora de mais de vinte livros nos Estados Unidos), as Crianças Cristal possuem uma aura multicolorida opalescente, com toques pastel, seria algo como ver um cristal de quartzo através de um prisma. Essa geração está chegando em número maior ao planeta Terra, desde 1995, e são crianças fascinadas pelos cristais e pedras, o que também está relacionado ao nome Cristal com que se faz referência a elas.
As características destas crianças são as seguintes:
- Possuem olhos grandes, um olhar intenso e profundo.
- Possuem personalidades atraentes.
- São muito carinhosos.
- Começam a falar mais tarde na infância.
- São dotados de um grande sentido musical e podem começar a cantar antes de falar.
- Comunicam-se utilizando a telepatia e a linguagem de sinais, criada por eles mesmos.
- São facilmente diagnosticados como autistas ou com síndrome de Asperger.
- São emocionalmente equilibrados, doces e amorosos.
- Perdoam facilmente aos demais.
- São altamente sensitivos e empáticos.
- Sentem forte conexão com a natureza e com os animais.
- Mostram habilidades para a cura.
- Grande interesse por cristais e pedras.
- Falam freqüentemente com anjos, guias espirituais.
- Manifestam memórias de vidas passadas.
- São grandes artistas e muito criativos.
- Preferem comidas vegetarianas e sucos de frutas ao invés de comida "normal".
- Costumam ter um incrível sentido de equilíbrio e podem tornar-se hábeis alpinistas e exploradores.
Sandra Aisemberg e Eduardo Melamud nos apresentam algumas diferenças entre Índigos e Cristais:
- São mais sensíveis e delicados.
- São mais perceptivos e com dons psíquicos mais ativados.
- Possuem um acentuado sentido de propósito de vida global.
- Demonstram congruência entre coração, mente, palavras e ações.
- Possuem paixão pela vida, pelo amor, pela justiça.
- Sentido agudo de serviço e de ajuda humanitária.
- Não julgam, por natureza.
- Forte sentido de humor.
- Necessitam água, natureza, arte, roupas de fibra natural, exercícios físicos e de um ambiente seguro, tanto física quanto emocional, psíquica e espiritualmente.
- Necessitam de adultos emocionalmente estáveis à sua volta.
Diversos autores referem que as Crianças Cristal foram muito beneficiadas pela vinda anterior dos Índigos e que teriam preparado o ambiente provocando mudanças energéticas favoráveis à sua chegada. Quer dizer que os Índigos foram chegando e transformando, principalmente com sua presença, a energia mais densa do planeta em energia mais sutil, o que facilita de algum modo a chegada dos chamados Cristais.
É importante comentar que muita confusão ainda é feita quando tentam separar Índigos de Cristais, para melhor explicar. Nós queremos contribuir para minimizar estas confusões e dúvidas. Na verdade, estamos presenciando e testemunhando a evolução da espécie humana neste planeta, e todos nós somos capazes de perceber que as crianças e jovens "não são mais os mesmos", nas palavras de alguns pais e de professores também. Quer dizer, percebemos que as crianças e jovens vêm evidenciando as mudanças de nossa espécie, sejam elas físicas, psicológicas ou espirituais, independente de sabermos qualquer coisa sobre Índigos ou Cristais.
Existem adultos Cristais, assim como adultos em transformação, passando de Índigos para Cristais nesse momento, inclusive também os pais destas crianças em razão da convivência com elas, pois assim seu processo de evolução se acelera. Só que estes são em menor número ainda.
Espectro da Consciência UniversalPois bem, todos nós sabemos que nossa essência é pura energia que se materializou sob forma de corpo humano e que tudo o mais que existe, sejam outros seres ou objetos, tudo é essencialmente energia materializada de diversas formas e com diferentes graus de consciência, certo?
Então, para que fique mais fácil compreender essas questões ligadas aos Índigos e Cristais e suas respectivas freqüências, é preciso entender que, quanto mais evolui a espécie humana, mais ela expande sua consciência, e consciência é energia. Podemos falar em um espectro da consciência, conforme nos explicou Ken Wilber, e esse espectro é basicamente comparável, por analogia, à luz branca que, conforme a luz que incide nela, e conforme olharmos, veremos facetas e reflexos multicoloridos. Assim, também podemos dizer que os Índigos possuem a presença de uma coloração azul Índigo em sua aura porque eles acessam naturalmente essa freqüência, neste espectro da Consciência Universal e que os Cristais possuem uma predominância da coloração branco cristalina com reflexos multicoloridos porque eles acessam essas freqüências. Entretanto, essas freqüências estão disponíveis a todos nós, independente de sermos ou não Índigos ou Cristais.
O que é preciso para acessá-las?
É preciso que nos dediquemos a expandir nossa consciência, a buscar a nossa evolução espiritual. A convivência com os Índigos e Cristais acelera esse processo e, por isso eles, vieram e continuam vindo, justamente para acelerar o processo de evolução da humanidade.
E já que falamos em espectro de consciência e de energia, me parece que fica mais fácil compreender que, antes da freqüência Índigo, existiram outras freqüências vibracionais e que, logo antes delas, veio a freqüência Índigo-Violeta que tinha como missão preparar o ambiente para os Índigos e que, agora, estão vindo os Cristais com a missão de ajudar os Índigos a promover a paz na Terra. E, é claro, já havia crianças e até mesmo adultos Cristais antes de 1995 na Terra, mas eram bem poucos, raros mesmo.
O mais importante é entender que a espécie humana segue evoluindo e que, mais e mais, mudanças estarão ocorrendo e aparecendo em termos de características manifestas nos seres humanos.
As Crianças Cristal são particularmente telepáticas, embora essa capacidade acentuada se manifeste também nos Índigos, o que os diferencia é apenas uma questão de grau, de intensidade. Aliás, como são telepáticas, ou seja, se comunicam direto de uma mente para outra, elas geralmente começam a falar mais tarde. O que nos indica que no futuro teremos um mundo onde as relações e comunicações se darão de forma mais rápida, mais instantânea e mais intuitiva e sensitiva, as palavras serão menos importantes. Normalmente elas se comunicam assim com os pais, encontram uma linguagem baseada em sinais aliada à telepatia, e tudo vai bem. Os problemas e dificuldades começam quando os profissionais de medicina ou educação começam a julgá-los e dizer que são anormais.
Essa característica de comunicação telepática tem gerado interpretações errôneas por parte de professores, psicólogos, médicos, etc., e também muito sofrimento e constrangimento para as crianças e para os pais.
É preciso que todos nós nos preparemos para aprender a conviver e aprender com estas novas gerações, é urgente que os pais ajudem a promover uma mudança nos modelos educacionais, que deve começar com uma transformação nos cursos que preparam professores, educadores, e é claro que médicos e psicólogos terão que se preparar também.
Será preciso saber diagnosticar de forma correta e precisa, distinguindo bem um indivíduo Psicopata de um indivíduo Índigo, uma criança Autista de uma criança Cristal, pois esses diagnósticos são relativamente simples de se fazer desde que busquemos as informações e estejamos com a mente e com o coração abertos para receber essas informações e, principalmente, para receber esses seres diferentes e tão amorosos, tão pacíficos e iluminados. Eles vêm para dar amor, para promover a paz, a harmonia, basta que estejamos abertos e receptivos.
CRIANÇAS ÍNDIGO   

Minha querida amiga Ingrid Cañete é uma criatura dedicada ao esclarecimento da humanidade sobre nossas responsabilidades à nova geração, estranha para nós porque são entes mais evoluídos que não vieram para se adaptar às nossas regras, princípios e valores materiais, mas sim para transformar ranços do nosso passado culturais à novos paradigmas evolucionais. 

Ingrid é psicóloga, mestre administração recursos humanos psicóloga transpessoal e escritora.
Ingrid Canete

Educação


A GERAÇÃO Y : AS CRIANÇAS ÍNDIGO E SUA EDUCAÇÃO


QUEM SÃO ESTAS CRIANÇAS:
Eu diria, a respeito da Educação para as novas gerações denominadas de Geração Y ou Índigos, que eles trazem um DNA modificado ou seja mais ativado e portanto, dons e talentos manifestos que são diferentes de gerações anteriores e isso já nos indica que necessitam de um olhar distinto e de uma atitude por parte de pais, professores e demais adultos, pelo menos mais aberta e receptiva para poderem descobrir e conhecer de verdade quem são e como “funcionam” estas gerações.
A partir de um DNA modificado e mais ativado encontramos que eles apresentam, anatomicamente, os dois hemisférios cerebrais, direito e esquerdo, já integrados o que faz com que tenham  a capacidade inata de ver “o todo” ao invés de ver de forma fragmentada a realidade. Eles trazem com eles a chamada visão holística ou sistêmica como uma habilidade natural. E isso na educação cria um dos importantes pontos de atrito e de estresse entre crianças e professores e entre pais e seus filhos.Pois, funcionando desta forma as crianças necessitam de metodologia de ensino não linear assim como é o funcionamento delas! E o que a metodologia atual oferece, predominantemente? Metodologia linear e visão fragmentada! Além disso, as crianças de agora, como gostamos de chamar aqui em minha região,  são multidimensionais e multissensoriais e assim elas precisam de diferentes estímulos, ao mesmo tempo, para se manterem atentas e dedicadas, envolvidas na atividade.elas tem alta quantidade e qualidade de energia além da integração dos dois hemisférios, então, elas precisam fazer várias coisas ao mesmo tempo, é por isso que elas estudam, ouvem música  e conversam ao celular com um amigo e ainda falam com a mãe ou com o pai, tudo ao mesmo tempo!!! Muitos adultos se incomodam e brigam com elas, rejeitam esse modo de funcionar mas é assim que elas são, não por serem desorganizadas ou por terem déficit de atenção ou hiperatividade apenas porque “seu projeto original” as capacitou e determinou que nascessem assim! É assim também que vemos estas crianças, desde pequenas abrirem muitos ou todos os brinquedos ao mesmo tempo e ficarem brincando com todos eles e se o adulto que está com elas resolve dizer que vai guardar alguns pois ela nem está brincando com estes, ela afirma logo: mas eu estou brincando com todos! Eu mesma, em meu consultório, tenho observado este comportamento e já o aceito como algo natural. As crianças chegam e abrem todos os brinquedos, mexem com eles, reconhecem e depois andam por toda a sala e exploram todos os cantos e objetos e também sentem a energia que há neste ambiente assim como a energia de quem está ali para atende-los e conversar com eles. É algo natural.


O AMBIENTE NAS ESCOLAS:
 Nas escolas não há preparação nem entendimento ainda para aceitar e acolher estas crianças e jovens como eles necessitam e assim está havendo um grande choque e muito estresse. E acontecem numerosas situações graves que vão de desrespeito e humilhação das crianças até o constrangimento delas e dos pais publicamente e o que é pior estas atitudes por parte de professores e escolas estão coagindo muitos pais ainda desinformados e temerosos de irem contra “ o que é ditado como normal”, a darem medicamentos a seus filhos principalmente ritalina ou metilfenidato ( substancia ativa) e também anti-depressivos e anti-psicóticos. Todos este medicamentos tem efeitos colaterais fortíssimos e não há comprovação nenhuma de que façam algum efeito benéfico. A situação é grave, trata-se de um crime o que está sendo praticado com as crianças! Ainda mais que não se trata aqui de doenças das crianças e sim de características evolutivas da espécie humana! Não há o que medicar e sim o que entender e reconhecer para então mudar a forma de se relacionar e os métodos de educação! As crianças de agora precisam ser vistas como manifestação da evolução humana! E precisam ser ouvidas mesmo antes de começarem a falar! Elas precisam ser ouvidas de verdade desde o coração, desde a alma! Aliás, elas provavelmente,   falarão mais tarde do que a idade que antes era considerada “normal” pois elas são telepáticas, quer dizer que naturalmente se comunicam de mente para mente não havendo necessidade de palavras. Ouvir e amar estas crianças desde o mais fundo do coração e compreender que elas são diferentes e estão se apresentando aqui diante de nós para nos ajudarem em nosso processo de evolução como humanidade e como planeta. Elas merecem ser vistas com muito respeito e honradas! Necessitam de ajuda para estarem aqui na Terra, de terceira dimensão que é um lugar com condições muito difíceis de se estar. Elas são seres com energia muito sutil e alta sensibilidade e tem dificuldade de “aterrar” ou seja de estar aqui e de compreender algumas regras de funcionamento da terceira dimensão, já que elas são seres de dimensões mais elevadas como a quinta, sexta e sétima dimensão.


A EDUCAÇÃO PRECISA SER INTEGRADORA:
Então precisam de uma educação integradora, inclusiva e amorosa desde o coração e precisam de ajuda para aprenderem a viver aqui na Terra sem perderem seus dons e talentos, sem que estes sejam anestesiados e bloqueados por nossa densidade, ou seja, por nosso estresse generalizado, pela poluição que criamos, pelos nossos desequilíbrios energéticos e emocionais, pela alimentação contaminada de químicos e alergênicos, pelas drogas que damos a eles como a ritalina e outras que só fazem um adestramento e
Impedem que sua maravilhosa energia e suas altas capacidades e talentos se manifestem!!! Estas crianças, diante da situação defasada da educação e escolas em geral e devido a falta de tempo hábil para mudar tudo antes que elas sejam adultos, precisariam da permissão e do incentivo do Estado para que sejam educadas em casa pela família e por sistemas auxiliares criados pela sociedade e governos visando promover o desenvolvimento saudável e equilibrado destas novas gerações. É claro que para isso precisamos que todos se envolvam e repensem nossa organização como sociedade, os sistema de trabalho que precisará flexibilizar horários e se responsabilizar mais para criar condições de trabalho para mulheres e homens que os estimule e que viabilize a que eles estejam mais presentes no lar e com suas famílias, reassumindo os papeis e missão primordial que é a de ser pai e mãe! Enquanto isso não muda estamos vendo grupo em diversos países se organizando e criando instâncias paralelas para atender as crianças de agora, seus pais e avós e para ajudar e orientar aos educadores que já perceberam que o sistema de educação caducou há muito tempo e que está completamente obsoleto.
As crianças de agora representam a construção de uma nova civilização humana, mais evoluída, assim, é natural que elas anunciem e peçam passagem para o novo em todos os sentido! E por mais que muitos setores da sociedade humana resistam a enxergar que nós como espécie humana mudamos, não vai adiantar! A mudança está aí em forma de gente configurando assim o que podemos chamar de o novo paradigma humano.


Ingrid Cañete
Brasil